Aperte "Enter" para pular para o conteúdo

Talentos da escola – Linda Vitrine

Por Bruna Tainara Bialeski

 

Os “pesos mortos da educação” são aqueles que fazem de tudo para se livrar da responsabilidade de “reconstruir” os pilares da educação, que já estão quase caindo, por conta da incapacidade daqueles que se dizem preocupados e responsáveis pela qualidade de ensino de nosso país, estado, município. O que me leva a crer cada vez mais que a hipocrisia entre estes, jamais cessará. Você conhece algum(s) deles?

Não há de ver que este ano o “povo do poder”, lembrou-se do ex- abacatão do Martello. Digo ‘ex’ porque neste momento está restando só o caroço do nosso querido abacate. É que certo “alguém” lembrou que existíamos, e mandou pintar o Wanda Krieger Gomes de cima a baixo. Ainda tenho dúvidas (quase certezas) de que só lembraram de nós porque é ano de eleição, e precisam do nosso voto, mas isso não vem ao caso.

Pois bem, já faz umas duas semanas que estão na função de “rebocar” nosso colégio. Ora, mas por que “rebocar”? É muito simples, ou será que alguém já viu em algum lugar, começar uma reforma pela pintura? Acho difícil, quase impossível, que as paredes de qualquer estrutura fiquem bonitinhas por muito tempo, tendo em vista que a tinta foi passada em cima das inúmeras infiltrações que ali existem e insistem em permanecer. Ah é, já estava esquecendo que a data de validade dessa pintura “linda” vai só até a próxima eleição.

Perdoem-me, acho que estou sendo muito grosseira. Mas deixar de me indignar com tal situação. Não preciso, ou melhor, não precisamos de uma “educação de vitrine”, não precisamos de uma escola com nova pintura. E que bosta de pintura, hem! Precisamos sim, de uma escola com uma estrutura boa o suficiente para instalar bem alunos e professores, uma escola onde não temos a necessidade de usar pés-de-pato para chegar até as salas de aula em dias chuvosos. Enfim, não precisamos de uma escola linda por fora, e precária por dentro, com paredes que “vertem” água, ou mesmo, rampas destruídas.

Hoje percebo que a ganância é o pior defeito que um ser humano pode ter. Ela corrompe, aniquila, destrói os sonhos e ideais mais lindos e puros. A mesma ganância que fez com que, como já disse, certo “alguém” mandasse pintar e reformar nossa querida escola.

“- Mas estão deixando a escola mais bonita!” Não duvido que nossa escola fique bonita, por alguns meses, quem sabe até uns dois ou três anos, até a próxima eleição, quando a escola estará em estado lastimável novamente, e “eles” repetirão o mesmo processo de “reformar” a escola, inaugurar a reforma, e ganhar o apoio político do povo em suas disputas pelo poder. Povo este, que nem imagina o peso morto e hipócrita que existe por de trás de cada sorriso falso e aperto de mão cuidadoso.

Povo este que talvez, não tenha noção do “corretivo” que foi passado em cima dos sonhos e talentos de cada aluno desta escola. Verdadeiras obras de arte, que foram pintadas ano passado por alguns alunos num projeto da professora de artes, com a contribuição dos demais professores.

Estas obras foram destruídas em prol da sede de poder de uns poucos, que por sua vez, querem mostrar serviço, destruindo talentos, inibindo ideais e disfarçando problemas sérios com feitos pequenos e inúteis, que os promoveram durante um curto espaço de tempo, mas que serve para continuar dilacerando nossos sonhos de uma educação de qualidade e vida melhor por um bom tempo.

 

Bruna Tainara Bialeski

Orientadora: Professora Marlise Aparecida Recalcate Petrykowski

2º ano 01 – Ensino médio regular – Matutino

EEEB Wanda Krieger Gomes – Caçador, SC

31/05/2012

Seja o/a primeiro/a a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *