Press "Enter" to skip to content

A rocha

 

Estive
lá!… Não poderia me furtar ao direito de presenciar pessoalmente
este momento histórico do município que me viu nascer e crescer,
apesar da magnífica cobertura ao vivo da imprensa caçadorense…
Não adianta! Não dormiria em paz se não visse este fato ao vivo,
com estas córneas astigmáticas e ceratocônicas, perfeitamente
corrigidas pelas lentes anti-reflexo que escurecem ao sol e que quase
me custaram os olhos da cara, mas conseguem me dar um conforto visual
razoável…

 

Estive
lá outras vezes, porém, como nunca antes estive, lá estava… Vi a
“casa do povo” cheia até as beiradas. Era tanta gente que foi
preciso instalar um telão no rol de entrada da câmara de vereadores
para que todos pudessem ver e ouvir o que acontecia no plenário
Osvaldo José Gomes… Vi o pessoal apreensivo: os defensores da
situação querendo ficar, aqueles que defendiam a oposição
querendo entrar… Fiquei em pé, mas mantive minha carcaça presente
neste momento tão importante de nossas vidas…

 

Normalmente
se vê a oposição de um lado e a situação de outro. Neste dia,
porém, por conta da urna que ocupava um dos lados, situação e
oposição ocuparam, juntas, o mesmo espaço. Quiçá fosse o lado do
povo que anda tão esquecido por todos os lados que por lá passaram
ultimamente…

 

Estive
lá, e lá vi o juiz eleitoral falando da construção da democracia
ao longo da história mundial e justificando a legalidade daquele
ato. Vi dois candidatos de lados opostos prometendo tomar parte do
lado da população através de seus discursos que comoveram pelas
palavras argumentadas e embasadas nas experiências de vida e
política que ali pleiteavam a prefeitura de Caçador…

 

Vi um
por um dos vereadores levantarem-se de suas poltronas confortáveis
dadas a eles por nós e dirigirem-se, mediante aplausos dos presentes
até a cabine de votação, depositarem o voto na urna e voltarem
para a cadeira acolchoada e giratória daquele plenário… Vi a
população caçadorense, representada por aquelas oito gravatas,
mais o Adilsão que preferiu não usar estes trajes, votando de dez
em dez por cento, aos olhos atentos do juiz eleitoral, do promotor,
dos outros vereadores e da população ali presente… Vi os votos
sendo apurados, um a um, em silêncio pela mesa de honra e o
resultado divulgado pelo Carlão: O novo prefeito de Caçador é Imar
Rocha…

 

Vi as
pessoas que o apoiavam começarem a festa ali mesmo, numa algazarra
nunca antes vista naquele auditório… Vi a situação, de orelhas
murchas tornar-se oposição e a oposição transformar-se, de
repente, em situação… Porém, a festa maior foi da democracia que
permitiu a plena execução da justiça, ainda que tardia, já que os
antigos ocupantes do cargo tinham sido condenados por crimes
eleitorais ainda de 2008…

 

Estive
lá e vi, pela primeira vez, um prefeito ser diplomado e empossado
menos de meia hora depois de eleito. Na mesma votação, uma mulher,
Luciane Pereira, minha colega de profissão, eleita e empossada em
tempo recorde como vice-prefeita pelo mesmo partido da presidenta
Dilma, outro fato inédito por aqui… Vi o prefeito tomar posse na
presença do seu netinho que cantou o Hino Nacional melhor que muitos
dos presentes… Vi a prefeita em exercício, agora vereadora da
oposição, chorar ao ouvir as palavras do novo prefeito enaltecendo
seu trabalho naqueles quase trinta dias que ela esteve a frente do

executivo…

 

Vi que
ainda existe uma esperança de se romper com todos aqueles
contra-valores que vemos correndo soltos em cada eleição que
presenciamos… Vi e assim espero, que a democracia tome novos rumos
em Caçador… E que nosso novo prefeito, apesar de não representar,
em tese uma grande mudança, faça valer seu sobrenome. Tenho a
esperança de que esta rocha que agora assume o executivo, seja forte
o suficiente para resistir aos pedregulhos deste caminho castigado
pelo descompromisso que pairava até então…

 

 

www.cacador.net

 

www.portalcacador.com.br

 

Jornal
Folha da Cidade – Caçador, SC

 

One Comment

  1. Javel Euriques
    Javel Euriques 25 de abril de 2011

    Márcio, parabéns pela bela de hoje, uma BOA NOVA com certeza, continue sempre assim, desmedido de receios em suas opiniões e fazendo valer sua liberdade de expressão. Tens em mim um admirador e como leitor fiel de sua coluna venho compartilhar desta homenagem a tão ilustre personalidade, o Novo prefeito de uma Nova Caçador. Dr. IMAR ROCHA, o sucesso é uma constante em toda a sua vida e que este sucesso seja lapidado e iluminado a cada dia de trabalho seu nesta importante missão que com coragem assumiu, a missão de reanIMAR as esperanças do povo Caçadorense que a algum tempo está adormecida!

    ” SEJA FORTE, NÃO COMO A ONDA QUE TUDO DESTRÓI… MAS COMO A ” ROCHA ” QUE TUDO SUPORTA! “.

    SUCESSO!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *